Chefe da ONU quer ação para acabar "para sempre" com violência à mulher

Ouvir /

Organização marcou antecipada o Dia Internacional para a Eliminação da Violência a Mulheres; data é celebrada em 25 de novembro.

Foto: ONU/Eskinder Debebe

Eleutério Guevane, da ONU News em Nova Iorque.

O secretário-geral das Nações Unidas, António Guterres, disse esta quarta-feira que é hora de promover a ação coletiva da comunidade internacional para acabar com a violência contra mulheres e meninas para sempre.

Falando em Nova Iorque, o chefe da ONU declarou que essa tarefa exige que todos em seus países, regiões e comunidades atuem ao mesmo tempo e na mesma direção para o mesmo objetivo.

Eliminação

Guterres ressaltou ainda que a organização está empenhada em combater a violência contra a mulher sob todas as suas formas, no evento que marcou antecipadamente o Dia Internacional para a Eliminação da Violência a Mulheres. A data é celebrada a 25 de novembro.

Para o secretário-geral, todas as mulheres e meninas têm direito a uma vida sem violência apesar de esse direito ainda ser violado todos os dias para milhões de mulheres.

Violência

O chefe da ONU destacou os relatórios recentes de várias organizações e instituições do mundo com detalhes sobre o assédio sexual no local de trabalho. Guterres sublinhou que tais documentos provam que violência sexual a mulheres é generalizada.

O secretário-geral declarou que a violência a mulher tem principalmente a ver com o poder e só terminará com a igualdade de género e o pleno empoderamento feminino.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031