Observadores da ONU concluem processo de remoção de armas das Farc-EP

Ouvir /

Mais de 8 mil armas e um milhão de cartuchos queimados foram transportados a um armazém central na Colômbia; todo o material instável encontrado nos 26 campos, incluindo granadas, explosivos caseiros e pólvora também foi destruído.

Observadores da ONU removem as mais de 8,112 armas das FARC-EP. Foto: Missão da ONU na Colômbia

Laura Gelbert Delgado, da ONU News em Nova Iorque.*

A Missão das Nações Unidas na Colômbia concluiu o processo de extração de armas individuais de combatentes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia – Exército do Povo, Farc-EP.

Mais de 8 mil armas e um milhão de cartuchos queimados foram transportados a um armazém central no país.

Material

Em nota, o chefe da Missão e representante especial do secretário-geral da ONU no país, Jean Arnault, afirmou que além da operação sendo realizada em Pondores, outras estão decorrendo em quatro áreas: La Reforma, Yari, La Guajira and La Variante.

O material transportado nos containers consiste em 8.112 armas e quase 1,3 milhão de cartuchos queimados.

Todo o material instável encontrado nos 26 campos, incluindo granadas, explosivos caseiros e pólvora também foi destruído.

De acordo com uma resolução do Conselho de Segurança adotada por unanimidade, a atual missão será substituída pela Missão de Verificação da ONU na Colômbia em 26 de setembro.

*Apresentação: Michelle Alves de Lima.

Notícias Relacionadas:

Cepal: Brasil liderou investimento estrangeiro direto em 2016

Secretário-geral elogia criação de nova missão política da ONU na Colômbia

Conselho de Segurança aprova nova missão de verificação para a Colômbia

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 26 DE SETEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 26 DE SETEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

setembro 2017
S T Q Q S S D
« ago    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930