Missões de Paz devem reduzir custos da utilização de aviões e helicópteros

Ouvir /

Com mais de 200 equipamentos aéreos em 18 missões, custos chegam a quase US$ 750 milhões; secretário-geral António Guterres pede soluções mais eficientes e limitação dos movimentos de passageiros.

Foto: ONU/Isaac Billy

Leda Letra, da ONU em Nova Iorque.

O secretário-geral da ONU, António Guterres, lançou uma iniciativa para reduzir custos e melhorar a eficiência no uso dos aviões e de helicópteros da organização. Os custos com essas aeronaves chegaram a quase US$ 750 milhões no ano passado.

As Nações Unidas tem 58 aviões e 157 helicópteros que são utilizados por 12 missões de paz e por seis missões políticas especiais. Guterres está pedindo aos chefes das Missões da ONU para ajustarem o uso das aeronaves e buscarem alternativas que sejam economicamente viáveis.

Passageiros

Para o secretário-geral, esta é também uma chance das missões inovarem. Guterres quer que os movimentos de passageiros sejam limitados a operações críticas; que seja diminuída a presença de passageiros que não são das missões e que os planos de voo sejam ajustados para permitir redução das frotas.

Voos especiais também devem virar uma exceção. O chefe da ONU pediu ao Departamento de Apoio Logístico para liderar e coordenar a iniciativa.

Notícias Relacionadas:

Sudão do Sul: Unmiss patrulha Wau após relatos de “morte de soldados”

Reforma das Missões de Paz é prioridade dos EUA no Conselho de Segurança

ONU divulgará relatório sobre casos de abuso e exploração sexuais

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 17 DE OUTUBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 17 DE OUTUBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

outubro 2017
S T Q Q S S D
« set    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031