Entrevista: "A vitória na Somália não vai ser só com armas", União Africana

Ouvir /

Francisco Madeira. Foto: ONU/Evan Schneider

O representante da União Africana junto à Missão da ONU na Somália, Unsom, fala das ações de milícias al-Qaeda e de grupos armados como o Estado Islâmico do Iraque e do Levante, Isil, no país do Corno de África.

Em Nova Iorque, o diplomata moçambicano disse que no país deve haver um trabalho com foco em jovens "permeáveis à radicalização e ao extremismo violento que leva ao terrorismo".

A União Africana realiza a 28ª Cimeira de Chefes de Estado e do Governo que também vai abordar a situação somali. Madeira disse que pretende encontrar-se com secretário-geral da ONU que participa no evento em Adis Abeba.

De António Guterres, Madeira espera ter financiamento sustentável da ONU para as forças que estão em situação "extremamente difíceis e duras" com a pressão de explosivos, munições e explosivos mais avançados de grupos armados.

Acompanhe a conversa com Eleutério Guevane.

Duração: 9’14″

Compartilhe

Parte 1 Ouvir / Parte 2 Ouvir /
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 23 DE JANEIRO DE 2018
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 23 DE JANEIRO DE 2018
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

janeiro 2018
S T Q Q S S D
« dez    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031