Fida: pequenos produtores precisam de participar nas negociações do clima

Ouvir /

Vice-presidente da agência quer melhorar os meios de subsistência dos pequenos agricultores nos países em desenvolvimento de forma sustentável; representante defende que prioridades do grupo sejam compreendidas e refletidas nas políticas.

Apoio aos pequenos agricultores e maior participação nas negociações do clima. Foto: Ifad/GMB Akash

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Um novo relatório do Fundo Internacional para o Desenvolvimento Agrícola, Fida, mostra que soluções reativas e de curto prazo não são suficientes para ajudar os pequenos agricultores a lidar com a mudança climática.

Segundo o vice-presidente do órgão, Michel Mordasini, "para melhorar de forma sustentável os meios de subsistência dos pequenos agricultores nos países em desenvolvimento, é preciso garantir que as suas prioridades sejam compreendidas e estejam refletidas nas políticas".

Intervenções Técnicas 

O relatório, preparado pelo Fida, sugere que intervenções técnicas práticas, como sementes aprimoradas e previsões precisas do tempo não são suficientes.

O documento prevê que as políticas nacionais, uma plataforma legal além de estratégias e orçamentos vão moldar as oportunidades para a adaptação de mulheres e homens da área rural ao ambiente em mutação.

Conhecimento

O relatório menciona que os pequenos agricultores conhecem melhor as realidades que enfrentam. Assim, se estes não forem envolvidos de forma adequada no processo político, correm o risco de ficar à margem de decisões que vão diretamente determinar a sua habilidade de se adaptar e lidar com a questão.

A publicação destaca o apoio do Fida a políticas de diálogo entre governos e agricultores, incluindo disposições especiais para garantir que também sejam ouvidas as prioridades de adaptação de mulheres, jovens e povos indígenas.

África

O documento apresenta estudos de caso sobre como o Fida está a apoiar agricultores a tentar lidar com a mudança climática em cinco países.

Um dos casos é no Sudão, onde o órgão apoia "o desenvolvimento de 300 planos comunitários de adaptação que aprimoram a resiliência de mulheres e homens".

Moçambique

O Fida também está a trabalhar para apoiar governos a integrar as prioridades de adaptação dos pequenos produtores a políticas nacionais.

Em Moçambique, por exemplo, órgão está a cooperar com o Centro para a Promoção da Agricultura para apoiar a integração de questões de género e adaptação à mudança climática em políticas nacionais de horticultura e produção de mandioca e carne vermelha.

Segundo a diretora da divisão de Ambiente e Clima do Fida, Margarita Astralaga, o "órgão destaca a importância de reforçar as instituições nacionais em lidar com os impactos climáticos nos pequenos produtores".

A representante afirmou que na Gâmbia, o órgão apoia as autoridades a aprenderem com a experiência de países a enfrentar desafios semelhantes.

Acesse a página especial da Rádio ONU sobre a Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática, COP21.

Leia Mais:

ONU diz que é importante proteger florestas e agricultura

Mulheres da zona rural formam 25% da população mundial

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 18 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 18 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031