Unesco: ciência está no coração do futuro sustentável

Ouvir /

Dia Mundial da Ciência pela Paz e pelo Desenvolvimento é celebrado nesta terça-feira, 10 de novembro; chefe da agência citou a ciência, tecnologia  e inovação como componentes fundamentais para as negociações climáticas em Paris.

Irina Bokova diz que a ciência é "uma força para transformação positiva e um multiplicador de desenvolvimento". Foto: IAEA/Dean Calma

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

A chefe da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco, afirmou que a ciência está no "coração" da Agenda de Desenvolvimento Sustentável, adotada em setembro.

O Dia Mundial da Ciência pela Paz e pelo Desenvolvimento é  celebrado nesta terça-feira.

Dia Mundial

Ainda em mensagem sobre a data, Irina Bokova afirmou que a ciência é "uma força para transformação positiva e um multiplicador de desenvolvimento".

Criado pela Unesco em 2001, o dia mundial é celebrado anualmente em 10 de novembro para demonstrar ao público porque a ciência é relevante em seu cotidiano e envolver as pessoas em debates sobre o tema.

Relatório

Neste ano, o lançamento do Relatório Mundial da Ciência da Unesco, publicado a cada cinco anos, marca o dia para identificar tendências em ciência, tecnologia e inovação.

De acordo com a agência, a mensagem chave do documento pode ser resumida em apenas quatro palavras: "mais pesquisa, desenvolvimento melhor".

Poder da Ciência

A chefe da agência afirmou que "todos os governos reconhecem atualmente o poder da ciência para fornecer respostas para a melhor gestão da água, a conservação e o uso sustentável dos oceanos, proteção dos ecossistemas e da diversidade e combate à mudança climática", entre outras atividades.

Bokova mencionou que "preocupação crescente" com secas, enchentes, furacões e outros fenômenos levaram os governos a adotar estratégicas nacionais e regionais para proteger a agricultura, reduzir os riscos de desastres e diversificar as matrizes energéticas nacionais.

COP 21

Ela afirmou que estes assuntos serão abordados na Conferência das Partes da Convenção Quadro sobre Mudança Climática, conhecida como COP 21, que acontece em Paris entre 30 de novembro e 11 de dezembro.

Espera-se que líderes de todo o mundo se reúnam para adotar um novo acordo para cooperação internacional para mitigar as consequência da mudança climática.

Bokova citou a ciência, a tecnologia  e a inovação como componentes fundamentais para as negociações climáticas em Paris e disse que "é preciso fazer todo o possível para apoiar sociedades em todo o mundo a criar e compartilhar conhecimento".

Leia Mais:

Fórum Mundial destaca o “poder capacitador” da Ciência | Rádio das Nações Unidas

Para FAO, clima adverso ditou aumento dos preços da comida em outubro | Rádio das Nações Unidas

Relatora fala sobre relação entre mudança climática e segurança alimentar | Rádio das Nações Unidas

 

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031