Enviado da ONU cita possibilidade de cessar-fogo na Síria

Ouvir /

Depois de pronunciamento na Assembleia Geral Staffan de Mistura indicou que isso deve ser alcançado através da continuidade das discussões entre todas as partes envolvidas no conflito.

Staffan de Mistura conversa com jornalistas na sede da ONU. Foto: ONU/Eskinder Debebe

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O enviado especial da ONU para a Síria, Staffan de Mistura, citou esta quinta-feira a possibilidade de um cessar-fogo no país.

Depois de uma sessão informal na Assembleia Geral, de Mistura disse a jornalistas na sede da ONU que isso pode ser alcançado através de contínuas discussões entre todas as partes envolvidas no conflito.

Plano Futuro

Os pontos acordados pelo chamado Grupo Internacional de Apoio à Síria, em duas rodadas de negociações realizadas em Viena, incluem um plano futuro sobre o processo político no país e aspectos relacionados a um cessar-fogo nacional.

Para Staffan de Mistura, "esta é uma oportunidade para a oposição síria ser inclusiva e participativa no processo".

Ele enfatizou que "a possibilidade de se atingir um cessar-fogo não é garantida". Ao mesmo tempo, o enviado especial da ONU espera que a presença de certos países com influência sobre as facções em conflito possa ajudar a alcançar o objetivo.

Grupo de Oposição

De Mistura disse que a ONU já tem uma lista com os nomes de mais de 40 representantes do governo sírio que participarão das reuniões em Genebra. Mas ele afirmou que é necessário também ter um grupo de oposição coeso, amplo e inclusivo no encontro.

O enviado da ONU afirmou que "sem a influência de parceiros estrangeiros, dificilmente um cessar-fogo irá durar".

Ele mencionou ainda que as regiões controladas atualmente pelo grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante, Isil, não farão parte do acordo, como por exemplo, Raqqa e Palmyra.

Um pouco antes, o presidente da Assembleia Geral, Mogens Lylletoft, afirmou que "em relação aos últimos acontecimentos na Síria é crucial que a ONU aumente o nível de engajamento e contribua para restaurar a paz e a estabilidade na região".

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031