Guiné Conacri regista três casos de ébola após duas semanas sem novos pacientes

Ouvir /

Doença matou mãe e filha de três meses no oeste do país; Serra Leoa continua nos 42 dias de contagem regressiva após registo de zero casos; agências dizem que precisam reforçar rapidez na resposta na África Ocidental.

Campanha de vacinação contra o ébola na Guiné Conacri. Foto: OMS/S. Hawkey

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

A Guiné Conacri registou três casos de ébola depois de um período de duas semanas sem novos pacientes.

Um informe da semana que terminou no domingo, 18 de outubro, revela que o primeiro doente é um homem de 21 anos da capital Conacri.

Mãe e Filha

Os outros pacientes são uma mulher de 35 anos que teve o vírus identificado num exame de autópsia, e a sua filha de 3 meses no município Forécariah a oeste. As novas infeções fizeram subir para 3.803 o total de casos registados desde o início do surto no país com 2.353 mortos.

A Serra Leoa continua no período de 42 dias de contagem regressiva para ser declarada livre do surto.

As agências que atuam no país criaram um plano e prepararam-se para passar para a nova fase. Com esses esforços também pretende-se assegurar oportunidades para que os sobreviventes recebam cuidados específicos.

Resposta

O relatório sobre a colaboração entre agências para conter o ébola nos países da África Ocidental destaca que a capacidade atual de resposta rápida das equipas "não é suficientemente forte".

A constatação feita pelos envolvidos levou à decisão de se criar um padrão sobre a forma como o grupo de entidades deve atuar.

O documento envolve o Escritório da ONU de Assistência Humanitária, Ocha, a Organização Mundial da Saúde, OMS, e outros parceiros que atuam na área.

O plano prevê simulações em dezembro e janeiro e uma série de serviços para os sobreviventes, que envolvem o apoio à saúde, atenção psicossocial além de assistência na proteção social e na segurança alimentar.

*Apresentação: Denise Costa.

Leia Mais:

Serra Leoa não registrou nenhum caso de ebola durante um mês

Vírus do ébola pode continuar no sémen de sobreviventes até nove meses

 

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031