Líbia: ONU pede fim dos combates em Benghazi e solução política para crise

Ouvir /

Representante especial do secretário-geral da ONU condenou a escalada dos combates na cidade e o "pesado impacto sentido pelos civis"; segundo agência das Nações Unidas para Refugiados, número de deslocados no país quase dobrou desde setembro.

Bernardino León. Foto: ONU/Jean-Marc Ferre

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O representante especial do secretário-geral da ONU para a Líbia, Bernardino León, condenou a escalada dos combates em Benghazi e o "pesado impacto sentido pelos civis".

Em um comunicado, León, que também é chefe da Missão das Nações Unidas de Apoio à Líbia, Unsmil, deplorou o contínuo bombardeio de áreas residenciais na cidade. Ele reiterou ainda sua crença de que "não pode haver solução militar para o conflito".

Crise

Segundo o Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, o número de pessoas deslocadas no país quase dobrou desde setembro, de 230 mil para mais de 434 mil.

Cerca de 105 mil deslocados internos estão em Benghazi, onde a ONU tem trabalhado com o governo e ONGs locais e internacionais para distruibuir ajuda.

Segundo a Unsmil, apenas nesta semana houve relatos de pelo menos 10 mortes de civis na cidade, incluindo crianças.

Diálogo

De acordo com a Missão da ONU "a grande maioria dos líbíos quer um fim imediato ao conflito".

O representante especial reiterou sua convicção de que um acordo político através do diálogo é a melhor forma de alcançar a paz no país.

León também lembrou a todos os envolvidos que ataques a civis são proibidos sob o direito internacional e podem constituir crimes de guerra. Assim, ele pediu a todos os lados que "interrompam imediatamente todos os ataques indiscriminados".

Leia Mais:

Negociadores da Líbia aprovam texto de acordo político

 

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031