Ban alerta para papel da sociedade civil em emergências humanitárias

Ouvir /

Em pronunciamento na Noruega, secretário-geral afirmou que capacidade para atender às necessidades humanitárias está sob muita pressão; ele citou os terremotos no Nepal, as avalanches no Afeganistão e o surto de ebola na África.

Ban Ki-moon discursa em Oslo, Noruega. Foto: ONU/Rick Bajornas

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que a "capacidade das Nações Unidas e de seus parceiros para atender às necessidades humanitárias está sob muita pressão".

Ban fez a declaração em pronunciamento num Fórum realizado esta segunda-feira em Oslo, na Noruega, quando falava sobre o papel da sociedade civil nos esforços globais para salvar vidas, como também para apoiar os meios de subsistência e proteger a população da violência.

Terremotos e Ebola

Ele explicou que "dos terremotos no Nepal a avalanches no Afeganistão; do surto de ebola na África a conflitos e desastres em outras partes, organizações da sociedade civil estão tendo um papel crescente".

Ban declarou que as organizações locais representam uma "ligação vital entre os governos e as associações globais, especialmente no momento em que a ONU e seus parceiros tentam ajudar 79 milhões de pessoas no mundo".

O secretário-geral explicou que durante desastres naturais, essas organizações podem ser mais rápidas e mais flexíveis do que as grandes instituições.

Sacrifício

Ban citou que "ligadas no contexto da cultura, idioma e necessidades locais, essas organizações da sociedade civil fornecem solidariedade e confiança aos mais necessitados".

Segundo ele, esse tipo de serviço acontece à custa de muito sacrifício, já que no ano passado, 88% de todos os ataques realizados contra trabalhadores humanitários foram feitos contra grupos e organizações locais.

O chefe da ONU disse que a comunidade internacional deve fazer mais para apoiar o papel fundamental exercido pela sociedade civil.

Em maio do ano que vem, Ban vai realizar a primeira Conferência Humanitária Mundial, em Istanbul, na Turquia, que contará com a participação de diversos grupos do mundo inteiro.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031