Sudão do Sul: Unicef apoia campanha para retorno de 400 mil crianças à escola

Ouvir /

Iniciativa Retorno às Aulas está orçada em US$ 42 milhões; metas do programa incluem acabar com a baixa frequência e a fraca  participação escolar no mais novo país do mundo.

Crianças no Sudão do Sul. Foto: ONU/JC McIlwaine

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Arrancou esta quarta-feira a última fase da campanha para promover o retorno de 400 mil crianças às salas de aula do Sudão do Sul. A iniciativa pretende também reverter a baixa frequência e a fraca participação escolar.

O representante no país do Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, Jonathan Veitch, reiterou que toda criança no país “tem o direito à educação esteja ela vivendo ou não num estado calmo ou afetado pelo conflito”.

Comunidades

As declarações foram feitas num evento realizado em Yambio, no estado de Equatória Ocidental. No ato, estiveram presentes o governador local, o embaixador do Japão além de representantes do Ministério da Educação, Ciência e Tecnologia, de ONGs, de crianças e de comunidades.

Metade dos beneficiários será das áreas afetadas pelos combates. A campanha já abrangeu mais de 100 mil menores, declarou o Unicef.

A Iniciativa Retorno às Aulas foi lançada em fevereiro e envolve de US$ 42 milhões. O alvo são crianças que nunca tiveram acesso ou teriam sido obrigadas a abandonar a escola. A agência disse que a campanha pretende atingir as suas metas até ao fim deste ano.

Geração

Veitch realçou que o conflito e a economia cada vez mais frágil têm arrasado o sistema de educação do país. A situação tem “enormes repercussões para toda uma geração de crianças sul-sudanesas “.

O representante disse que o acesso à educação pretende igualmente salvar vidas, após lembrar que uma criança com a mãe capaz de ler é 50% propensa a viver mais de cinco anos.

O Japão contribuiu com US$ 9,5 milhões para financiar programas do Unicef no Sudão do Sul, que incluem a educação em todos os estados.

Nos últimos anos, Equatória Ocidental regista um aumento do número de menores nas escolas, que é  acompanhado da subida das taxas de abandono escolar. Mais de metade das salas de aula decorrem ao ar livre.

Leia Mais:

Mais de 100 mil pessoas fugiram das suas casas em dois meses no Sudão do Sul

Ban condena expulsão de representante da ONU no Sudão do Sul

Altos funcionários da ONU expressam alarme com abusos no Sudão do Sul

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031