No Uzbequistão, Ban destaca importância de cooperação regional e diplomacia

Ouvir /

Viagem faz parte da visita do secretário-geral a cinco países da Ásia Central; chefe da ONU afirmou que não pode haver paz e desenvolvimento sem direitos humanos.

Ban Ki-moon. Foto: ONU/Mark Garten

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral está no Uzbequistão, como parte de sua viagem a cinco países da Ásia Central. Falando a jornalistas, Ban Ki-moon afirmou que conversou com o presidente Islam Karimov sobre diversos assuntos globais da agenda das Nações Unidas de paz, desenvolvimento e direitos humanos.

De questões relacionadas à água e energia, ao tráfico de drogas e ao terrorismo e extremismo violento, o chefe da ONU afirmou que está no país para "destacar a importância da cooperação regional e da diplomacia preventiva".

Objetivos de Desenvolvimento do Milênio

Segundo Ban, o Uzbequistão obteve sólido progresso em direção aos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, como por exemplo, em relação à redução da pobreza e mortalidade materna. Além disso, estão avanços no acesso universal à educação primária e de paridade de gênero em escolas primárias e secundárias.

Ele também saudou a "participação ativa" do país em discussões multilaterais nas Nações Unidas e suas contribuições na abordagem de questões regionais e globais.

Em particular, Ban disse que "aprecia as contribuições do Uzbequistão no apoio à estabilidade e ao desenvolvimento no Afeganistão, assim como o papel do país em iniciar o tratado de zona livre de armas nucleares da Ásia Central.

Direitos Humanos

O secretário-geral reiterou o pleno compromisso da ONU de apoiar o desenvolvimento do país e promover avanços na paz e segurança regionais.

No entanto, Ban afirmou que "não é possível haver paz e desenvolvimento sem direitos humanos".

As Nações Unidas, incluindo o Escritório do alto comissário para Direitos Humanos, estão prontos para apoiar o Uzbequistão na promoção e proteção de liberdades fundamentais e fornecendo oportunidades para participação pública.

Plano

Ban saudou a recente adoção pelo país de um plano de ação nacional em sequência à revisão periódica universal feita pelo Conselho de Direitos Humanos da ONU.

Para o secretário-geral, a implementação deste plano é fundamental. Ele afirmou que isto vai ajudar o Uzbequistão no cumprimento de suas obrigações internacionais de direitos humanos e vai trazer amplos benefícios à população.

Ban disse ainda que está "encorajado" com a recente assinatura do acordo "Plataforma de Assistência ao Desenvolvimento" da ONU, Undaf, entre o governo e o sistema das Nações Unidas. O plano define amplas áreas de cooperação para aprofundar a boa governança e os direitos humanos.

Leia Mais:

Em viagem à Ásia Central, Ban destaca proteção aos direitos humanos

Ban fala sobre promoção do diálogo para paz com líderes religiosos

Na Ásia Central, Ban destaca acesso à água e direitos humanos

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031