Iémen enfrenta fase crítica com mais pessoas a passar fome, diz PMA

Ouvir /

Número de pessoas na insegurança alimentar subiu m cerca de um quarto para mais de 12,5 mil; agência desviou navio com destino a Áden devido a combates e ameaças de segurança.

Proteger as crianças da desnutrição e anemia. Foto: Ocha

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Iémen atingiu uma fase crítica em termos de disponibilidade de alimentos, de acordo com o Programa Mundial de Alimentação, PMA.

Em nota, emitida esta segunda-feira, o coordenador de emergência para o país, Tahir Nour, disse que sem muita comida nos mercados mais pessoas passam fome na nação considerada a mais pobre do Médio Oriente.

Crianças

No sábado, relatos de combates e ameaças de segurança, obrigaram a agência a desviar para o porto de Hudaydah um navio que transportava ajuda alimentar essencial com destino a Áden.

O MV Amsterdam era proveniente do Djibuti e transportava mais de 5,7 mil toneladas de alimentos como trigo, leguminosas, óleo vegetal e micronutrientes em pó usados para proteger as crianças da desnutrição e anemia.

De acordo com a agência, as rações podem alimentar cerca de 60 mil iemenitas durante um mês. A expectativa era que o navio atracasse no sábado, mas as autoridades portuárias emitiram um aviso de segurança que obrigou a mudança de rota.

Conflito

O PMA disse, entretanto, que vai continuar a tentar chegar a Áden e às áreas vizinhas com suprimentos enviados por estrada a partir Hudaydah. Milhões de pessoas carecem desesperadamente de alimentos em áreas “inacessíveis há muito tempo devido ao conflito”.

Na sexta-feira, 7 mil toneladas de farinha de trigo chegaram a  Hudaydah para alimentar a 70 mil iemenitas. O plano é enviar mais alimentos por via marítima,nas próximas semanas, a partir da base criada pela agência  no Djibuti paraa entrega decomida e de outros suprimentos humanitários urgentes ao Iémen.

O atual conflito fez com que mais 2,5 milhões de iemenitas se juntassem aos 10 milhões de pessoas já consideradas em estado de insegurança alimentar. O país importa cerca de 90% dos seus alimentos.

Leia Mais:

Ban pede adiamento das consultas sobre o Iêmen

OIM lança apelo de US$ 84 milhões para ajudar Iêmen

Consultas sobre processo político no Iêmen serão retomadas na próxima semana

PMA: trégua no Iêmen insuficiente para levar assistência a todos que precisam

 

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031