Unamid confirma bombardeamentos que mataram 14 civis em Darfur

Ouvir /

Missão conjunta da ONU e da União Africana condenou ataques na área central de Darfur; número de feridos chegou a 18 pessoas.

Tropas da ONU em Darfur. Foto: Unamid

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

A Missão Conjunta da ONU e União Africana em Darfur, Unamid, disse ter verificado o lançamento de 10 bombas que causaram a morte de 14 civis em Rowata, no centro da área sudanesa, no dia 1 de abril.

A informação foi dada a jornalistas em Nova Iorque pelo porta-voz do secretário-geral da ONU.

Feridos

Segundo Stephan Dujarric, os ataques também deixaram 18 feridos.

Na segunda-feira, uma patrulha de verificação foi enviada ao local. Ainda no vilarejo, a equipa “testemunhou um outro bombardeamento aéreo”. Cinco bombas caíram perto do local onde estavam os peritos, disse o porta-voz.

Dujarric disse que a Unamid condenou vigorosamente os “bombardeamentos aéreos que causam a morte, a destruição e o deslocamento de populações”.

Em 2014, combates entre grupos armados, governo e milícias aliadas deslocaram mais de 450 mil pessoas em Darfur.

*Apresentação: Eleutério Guevane.

Leia Mais:

ONU diz que 33 funcionários e membros de agências parceiras estão sumidos

Governo sudanês continua a negar acesso da Unamid em áreas em conflito

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 14 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 14 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031