Ocha deplora ataques a acampamentos de desalojados na RD Congo

Ouvir /

Sem revelar número de vítimas, escritório relata uma série de abusos ocorridos em março; situação causa preocupação desde o início do ano, na área da província Oriental.

População deslocada na RD Congo. Foto: Ocha

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

O Escritório da ONU para Assistência Humanitária, Ocha, condenou com veemência a série de ataques de milícias armadas contra locais que albergam deslocados na República Democrática do Congo, RD Congo.

Em nota, o chefe interino do escritório destaca que os incidentes ocorreram na área de  Irumu, na província de Oriental, em março. Para o Ocha, trata-se de violações graves dos direitos humanos e do direito internacional humanitário.

Responsabilidade

As autoridades congolesas foram instadas a garantir a proteção de civis, incluindo de deslocados. A recomendação é que estas “garantam que os autores desses ataques serão responsabilizados pelas suas ações”.

O Ocha lembra que os civis e os locais que os abrigam estão protegidos pelo direito internacional humanitário e não devem ser alvos dos envolvidos no conflito. A nota não revela números das vítimas dos ataques.

A situação em Irumu é considerada como sendo de grande preocupação desde o início do ano, tanto para os civis como para as organizações humanitárias que prestam assistência.

*Apresentação: Laura Gelbert.

Leia Mais:

Enviada da ONU elogia declaração na RD Congo contra violações em guerras

Nações Unidas estendem mandato da missão de paz na RD Congo por um ano

 

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031