Acnur elogia plano para ajudar imigrantes ilegais

Migrantes no mar Mediterrâneo. Foto: Acnur/Massimo Sestini

O Alto Comissariado da ONU para Refugiados, Acnur, saudou esta terça-feira o plano de ação de 10 pontos divulgado pela União Europeia, com o objetivo de resolver a crise de migrantes no Mar Mediterrâneo.

Mas a agência das Nações Unidas lembrou que salvar vidas no mar deve ser prioridade. Em Genebra, o representante do Acnur, Volker Turk, falou à Rádio ONU sobre a proposta.

Turk explicou que o plano dos ministros europeus é um “bom começo”, porque menciona reassentamento de migrantes e apoio à Itália e à Grécia. Mas ele ressaltou ser preciso conhecer os compromissos mais concretos, como alternativa legal à migração.

O Acnur atualizou os números sobre a tragédia ocorrida no fim de semana, quando um barco que saiu da Líbia naufragou: 850 pessoas estavam a bordo e apenas 28 sobreviveram.

Confira a reportagem de Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York, para o Jornal da GloboNews.

Compartilhe