ONU quer que Sudão investigue imediatamente ataque a tropas de paz

Ouvir /

Nenhum soldado de paz ficou ferido nos dois atentados, nesta terça-feira, mas pelo menos dois autores das ações foram mortos; no último incidente, ladrões não-identificados roubaram um tanque de água e um carro da Unamid.

Abiodun Oluremi Bashua. Foto: Unamid/Hamid Abdulsalam

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

A Missão Conjunta da ONU e da União Africana em Darfur, Unamid, confirmou esta terça-feira que seus soldados de paz sofreram dois ataques separados. O representante especial interino da Missão em Darfur pede ao governo sudanês para investigar os casos imediatamente.

No primeiro ataque, homens armados não-identificados atiraram contra os boinas azuis, numa ação na área de Burumburum, em Darful Sul, no Sudão. Nenhum soldado da Unamid ficou ferido, mas dois autores do ataque foram mortos durante a troca de tiros.

Justiça

Segundo a Unamid, este é o segundo ataque na mesma área nos últimos meses. O representante elogiou os capacetes azuis por sua rápida resposta ao ataque. Abiodun Oluremi Bashua também pede ao governo do Sudão que leve os responsáveis à Justiça.

Já no segundo incidente, uma outra patrulha da Unamid foi atacada por assaltantes não-identificados, numa área a sudoeste de Habilla, em Darfur Oeste. Os homens roubaram um tanque de água e um veículo da missão. Nenhum soldado de paz ficou ferido.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031