Missão Econômica da ONU prevê crescimento moderado na Ásia-Pacífico

Ouvir /

Escap disse que o baixo preço do petróleo é uma oportunidade para avanço; mas alerta que são necessárias amplas reformas em todo os países da região.

Economia da região deve avançar em 2015. Foto: Escap

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

A Comissão Econômica e Social para a Ásia e Pacífico, Escap, afirmou que a região terá um crescimento moderado em 2015.

Segundo um relatório da agência da ONU, divulgado esta terça-feira, esse crescimento será maior se os países da área realizarem as reformas estruturais necessárias.

Oportunidade

Os especialistas da comissão disseram que os baixos preços do petróleo representam uma oportunidade para que essas nações mobilizem recursos para um desenvolvimento inclusivo e sustentável.

A Escap prevê que as economias dos países em desenvolvimento na Ásia e no Pacífico devem avançar, em média, 5,8% em 2015, em comparação aos 5,6% do ano passado.

Esse progresso se deve ao bom desempenho econômico de Bangladesh, Índia, Indonésia, Papúa Nova Guiné, República da Coreia e Tailândia.

Inflação

O secretário-executivo da agência, Shamshad Akhtar, disse que a queda da inflação de 3,9% para 3,5% neste ano em comparação a 2014 vai ajudar alguns países em relação à política monetária para apoiar o crescimento.

O relatório mostra que as reformas estruturais na Índia e na Indonésia devem impulsionar o avanço dos dois países a 6,4% e 5,6% respectivamente.

A China, segundo a Escap, terá um crescimento econômico de 7% para este ano, índice consistente com o reequilíbrio econômico global.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031