FAO revela queda de preços dos alimentos em dezembro

Ouvir /

Resultado deveu-se às baixas no custo dos laticínios e da carne; fraca demanda por biocombustíveis também afetou valores do óleo vegetal e do açúcar; em 2014, custo da comida foi 3,7% mais baixo em relação ao ano anterior.

Foto: Banco Mundial

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

Os preços dos alimentos caíram 1,7% em dezembro face ao mês anterior, segundo a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação, FAO.

O Índice de Preços dos Alimentos do mês passado, publicado esta quinta-feira, regista uma média de 188,6 pontos, que equivale a uma queda de 3,2 pontos face a novembro.

Biocombustíveis

Os valores dos laticínios e da carne baixaram, enquanto os do óleo vegetal e do açúcar foram atingidos pela fraca demanda pelos biocombustíveis. Os cereais mantiveram-se estáveis numa média de 183,9 pontos, equivalentes a 0,4% em relação a novembro.

A agência da ONU aponta que os stocks abundantes de açúcar em países como o Brasil, um dos principais produtores mundiais, teve influência na baixa de 4,8% no índice de preços do produto para 219 pontos.

A queda dos preços do petróleo bruto, que reduziu a demanda pela cana-de-açúcar a ser transformada em etanol, também pesou sobre as cotações internacionais do produto no último mês de 2014.

Rússia e China

O preço de laticínios também caiu com o aumento de stocks de exportação, após uma queda na demanda observada nos principais importadores que incluem a Rússia e a China. O índice de preços das carnes foi afetado pela baixa dos custos da carne de carneiro da Oceânia e da carne suína na Europa.

Em dezembro, os preços do trigo aumentaram, e compensaram uma queda acentuada dos preços do arroz.

Queda em 2014

A FAO destaca que durante 2014, o Índice de Preços dos Alimentos registou uma média de 202 pontos, uma queda de 3,7% em relação a 2013.

As maiores reduções durante o ano foram observadas nos cereais, que baixaram 12,5%. A baixa verificada nos laticínios foi de 7,7%, nas oleaginosas de 6,2% e no açúcar de 3,8%.

O Índice de Preços dos Alimentos da FAO destaca que em todo 2014, as carnes aumentaram 8,1% em relação a 2013.

 

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031