Conselho de Direitos Humanos da ONU avalia desempenho da Guiné-Bissau

Ouvir /

Situação no país é examinada pela segunda vez, esta sexta-feira, em Genebra; áreas analisadas devem incluir violência a crianças e mulheres além da prevenção da mutilação genital.

Bandeira da Guiné-Bissau

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Conselho de Direitos Humanos da ONU vai avaliar a situação dos direitos humanos na Guiné-Bissau, esta sexta-feira, em Genebra.

Trata-se da segunda vez em que o grupo de trabalho do Exame Periódico Universal do órgão vai examinar o país lusófono. A primeira avaliação foi em maio de 2010.

Relatórios                             

A Guiné-Bissau é um dos 14 países que terão a sua situação de direitos humanos analisada  pelo grupo na sessão que decorre  até ao dia 30 de janeiro.

O exame dos países baseia-se  em documentos fornecidos pelo Estado avaliado, relatórios de peritos e grupos independentes de direitos humanos, dos órgãos de tratados internacionais sobre o assunto e de outras entidades das Nações Unidas. É igualmente considerada a informação fornecida por  instituições nacionais de direitos humanos, organizações regionais e grupos da sociedade civil.

Violência

Entre as questões levantadas nos documentos está o desempenho do país no campo dos direitos humanos desde a primeira avaliação em 2010, o combate à discriminação e violência a crianças e mulheres.

Deverá ser igualmente abordada a prevenção da mutilação genital feminina, a erradicação do trabalho infantil, o  combate à pobreza, a luta contra a impunidade entre outras.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031