Agência da ONU muda estratégia de combate ao ebola

Combate ao ébola. Foto: OMS/C. Black

A Organização Mundial da Saúde, OMS, mudou a estratégia de resposta à epidemia do ebola. A partir de agora, a agência da ONU disse que a segunda fase do combate passará dos esforços de redução das transmissões para  acabar  com a doença.

O último boletim da organização mostra que entre 19 e 25 de janeiro foram registrados 99 casos nos três países mais afetados pelo surto, Guiné, Libéria e Serra Leoa. É a primeira vez desde finais de junho do ano passado que foram detectadas menos de 100 infecções numa semana.

A OMS considera a Guiné-Bissau como um dos países prioritários para receber ajuda, assim como o Mali, o Senegal e a Côte d'Ivoire, também conhecida como Costa do Marfim.

Assista à reportagem de Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York, para o Jornal da Globo News.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031