Representante da ONU defende reforma "urgente" da sede da ONU em Genebra

Ouvir /

Segundo Michael Moller, prédio antigo recebe cerca de 11 mil reuniões por ano; sede da organização em Nova York também passou por reformas.

Sede da ONU em Genebra. Foto: ONU/Violaine Martin

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

Os estados membros da ONU concordaram em alocar US$ 28 milhões, cerca de RS$ 75 milhões, para o planejamento da reforma da sede da ONU em Genebra.

O chefe em exercício do escritório da organização na Suíça, Michael Moller, defendeu a reforma que chamou de "urgente".

Manutenção

Ele afirmou que o trabalho é importante porque trata-se de um prédio antigo que não teve manutenção adequada nos últimos quase 80 anos.

Segundo Moller, o edifício, conhecido como Palácio das Nações, recebe cerca de 11 mil reuniões por ano. O orçamento da reforma da sede está estimado em US$ 850 milhões, ou aproximadamente R$ 2,3 bilhões.

História

O representante da ONU afirmou que o projeto também é importante porque é um "prédio histórico" e de "herança histórica de Genebra, da Suíça e da humanidade."

A sede das Nações Unidas em Nova York, construída entre 1949 e 1952, também entrou em reforma em 2010. Os painéis “Guerra e Paz”, do pintor brasileiro Candido Portinari, que deixaram o prédio quando começou a obra, devem ser reinaugurados em maio de 2015.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031