Caso Eric Garner destaca "questão de prestação de contas de agentes policiais"

Ouvir /

Declaração foi feita pelo porta-voz do secretário-geral nesta quinta-feira; segundo Stephane Dujarric, Ban Ki-moon saúda anúncio de investigação de direitos civis no caso; houve protestos em Nova York após decisão do júri de não indiciar policial sobre morte de americano.

Stéphane Dujarric. Foto: ONU/Jean-Marc Ferré

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova York.

Segundo agências de notícias, houve protestos em Nova York após a decisão de um júri de não indiciar um policial pela morte do americano Eric Garner.

Falando a jornalistas, o porta-voz do secretário-geral disse que o pensamento de Ban Ki-moon está com a família de Garner e o povo novaiorquino após esta decisão.

Prestação de contas

Stephane Dujarric afirmou acreditar que o caso de novo foca na atenção à prestação de conta de agentes policiais". Ele declarou que o secretário-geral apela às autoridades nos Estados Unidos que façam todo o possível para responder a demandas por maior responsabilização.

O porta-voz afirmou ainda que Ban saúda o anúncio da abertura de uma investigação de direitos civis. Segundo agências de notícias, Garner morreu após ser abordado pela polícia em julho e aparentemente imobilizado. O incidente foi filmado por uma pessoa que passava no local.

Sobre os protestos em Nova York, Dujarric declarou que Ban apelaria aos manifestantes que protestem de forma pacífica e às autoridades que respeitem o direito à manifestação pacífica.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 14 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 14 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031