Ban Ki-moon agradece trabalho de Anthony Banbury na Unmeer

Ouvir /

O chefe da Missão da ONU de Resposta ao Ebola deixa o cargo no mês que vem; novo escolhido pelo secretário-geral é Ould Cheikh Ahmed, da Mauritânia.

Anthony Banbury na Guiné Bissau. Foto: ONU/Ari Gaitanis

Eleuterio Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

O secretário-geral das Nações Unidas, Ban Ki-moon, anunciou esta quinta-feira que Anthony Banbury deixará de ser o representante especial e chefe da Missão da ONU de Resposta ao Ebola, Unmeer.

Banbury, que deixa o cargo em 5 de janeiro, será substituído pelo mauritano Ould Cheikh Ahmed. Em nota, o chefe da ONU agradeceu a visão e a liderança de Banbury na Unmeer, além do seu compromisso no combate ao surto desde setembro.

Assistência Humanitária

Ahmed é mestre em desenvolvimento de recursos humanos, com mais de 28 anos de experiência nas áreas de desenvolvimento e assistência humanitária. Ele assumiu cargos de liderança em várias agências da organização.

O anúncio foi feito no dia em que o enviado do secretário-geral sobre o Ebola, David Nabarro, disse ter havido uma “grande mudança” nos últimos quatro meses, após os governos das nações afetadas pela doença terem assumido a resposta à epidemia.

Esforços

Falando a jornalistas, em Nova York, Nabarro disse que os países  têm participado nos esforços e que as comunidades locais estão participando das operações de resposta. Mas ele declarou que ainda há um certo cuidado para lidar com as populações.

David Nabarro declarou que, se não houver uma negociação entre os residentes locais e os trabalhadores de saúde, pode ocorrer uma rutura ou situações de dificuldade que podem levar à confrontação. Segundo ele, em alguns casos as pessoas continuam assustadas.

O mais recente boletim da Organização Mundial da Saúde, OMS, mostra que foram registrados 17942 casos da doença e o número de mortos chegou a 6388 em oito países.

Nabarro disse que são necessários mais esforços para combater a doença na região oeste de Serra Leoa e no norte do Mali.

David Nabarro visitou nessa última viagem a Guiné, Libéria, Serra Leoa e o Mali. Ele explicou que neste momento a epidemia é caracterizada pela existência de pequenos surtos, por volta de 100 na região afetada.

*Apresentação: Edgard Júnior.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 18 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 18 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031