Unicef afirma que mortes por pneumonia caíram 44% desde 2000

Ouvir /

Agência da ONU alerta que apesar do avanço muito ainda precisa ser feito; doença é a maior causa de óbitos de crianças no mundo, aproximadamente 940 mil por ano.

A OMS afirma que a pneumonia mata quase 1 milhão de crianças por ano. Foto: OMS

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O Fundo das Nações Unidas para a Infância, Unicef, afirmou que as mortes causadas por pneumonia caíram 44% desde 2000 em todo o mundo.

Segundo a agência da ONU, a queda mostra que as estratégias usadas pelos serviços de saúde para acabar com a doença estão dando resultado.

Avanço

Mas o Unicef alerta que apesar do avanço, muito ainda precisa ser feito para impedir que milhares de pessoas morram de uma doença que pode ser evitada.

A declaração foi feita para marcar o Dia Mundial de Combate à Pneumonia, esta quarta-feira, 12 de novembro.

O chefe dos programas de saúde do Unicef, Mickey Chopra, disse que a pneumonia continua sendo a maior responsável pelas mortes de crianças no mundo.

O médico declarou que a doença é muito perigosa e que a "pobreza é o maior fator de risco". Segundo ele, isso significa que os esforços das autoridades devem alcançar todos os menores de idade.

Carvão

Segundo dados da Organização Mundial da Saúde, OMS, a doença mata 940 mil crianças todos os anos, muito mais do que a Aids, a malária e a tuberculose juntas.

A pneumonia pode ser causada por vírus, bactérias ou fungos e pode ser evitada através de vacinação ou de uma alimentação adequada.

O Unicef informou que os maiores índices de óbitos de pneumonia acontecem em áreas rurais. A poluição dentro das casas é uma mais maiores causas da doença, principalmente as que utilizam combustíveis sólidos, como o carvão, para aquecimento ou para cozinhar.

A agência da ONU explica ainda que as crianças mais pobres são menos propensas a ser vacinadas contra o sarampo e a coqueluche, que estão entre as principais causas da doença.

Alvo

Segundo o Unicef, o diagnóstico precoce, o tratamento e o acesso a cuidados de saúde salvam vidas. Além disso, o Fundo da ONU diz que as estratégias de saúde devem ter como alvo comunidades de baixa renda.

Chopra citou que o aumento da vacinação contra pneumonia, principalmente em países mais pobres, lidera o progresso na luta contra a doença.

O Unicef lembra um simples tratamento que tem obtido grande sucesso no combate à pneumonia: o uso do antibiótico amoxicilina em comprimidos fabricados especialmente para crianças.

A agência da ONU cita também outras medidas simples que ajudam na prevenção da pneumonia, como amamentação e lavar as mãos com sabão.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 8 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 8 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031