Especialistas planeiam plataforma sobre mudança climática em África

Ouvir /

Em Marrocos, grupo de pesquisadores africanos querem promover ciência que dê poder às pessoas e permita a agricultores fazer escolhas estratégicas; US$ 1milhão serão destinados à formação de jovens.

Pesquisas sobre clima africano. Foto: Banco Mundial/Curt Carnemark

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

Um grupo de pesquisadores africanos e líderes comunitários estão reunidos em Marrakech, no Marrocos, para criar uma plataforma de colaboração sobre ciência do clima.

O encontro é liderado pela Organização Meteorológica Mundial, OMM, e Comissão Económica da ONU para África, Uneca. A proposta é unir pesquisas sobre o clima africano e conhecimentos para informar os tomadores de decisão no continente. 

Escolhas

A representante da Uneca, Fatima Denton, afirmou que os participantes estão a promover uma "ciência utilitária" que pode ajudar África a tomar seu lugar no desenvolvimento mundial.

Segundo Denton, a plataforma busca dar poder às pessoas, com uma ciência que permita a agricultores fazer escolhas estratégicas e que reforce as capacidades de produção dos centros de pesquisa africanos.

Cimeira

A representante da Uneca afirmou que está a ser destinado US$ 1 milhão para um programa de capacitação de jovens cientistas nas áreas de mudança climática e desenvolvimento.

Já a OMM anunciou a criação de um instituto meteorológico para a região de África Central. A reunião no dia 6 ocorreu às vésperas da Cimeira sobre Mudança Climática e Desenvolvimento em África, encontro que começa esta quarta-feira, com duração de dois dias.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031