Chefe da Unesco e ministro egípcio juntos na proteção da herança cultural

Ouvir /

Irina Bokova e ministro das Antiguidades e Herança Cultural do Egipto reuniram-se nesta quarta-feira, em Paris; eles conversaram sobre cooperação entre a agência e o país na área de museus e preservação.

O ministro das Antiguidades e Herança Cultural do Egipto, Mamdouh Al-Damaty. Foto: Unesco/Landry Rukingamubiri

Laura Gelbert, da Rádio ONU em Nova Iorque.

A diretora-geral da Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco, Irina Bokova, e o ministro das Antiguidades e Herança Cultural do Egipto, Mamdouh Al-Damaty, conversaram sobre cooperação entre a agência e o país na área de museus e preservação.

Eles reuniram-se nesta quarta-feira na sede da Unesco, em Paris. Na ocasião, a agência e o governo egípcio organizaram, em conjunto, uma conferência internacional sobre museus.

Força

Segundo a agência, o evento contou com a participação de especialistas e grande número de delegações e "reafirmou a força da cooperação entre a Unesco e o Egipto".
Irina Bokova destacou a "importância e riqueza da herança cultural egípcia e seu siginificado universal". Ela também enfatizou a longa colaboração da agência com o país nesta área. A diretora-geral mencionou a campanha internacional para salvar monumentos na Núbia e as ações em curso da Unesco para restauração do Museu de Arte Islâmica do Cairo, danificado desde janeiro deste ano.

Tráfico

A diretora-geral da Unesco também destacou o "compromisso contínuo" da agência com o Egipto no combate ao tráfico ilícito de objetos culturais do país.

A pedido de autoridades egípcias, a Unesco e seus parceiros fizeram visitas à capital Cairo no início de setembro para a avaliar a cooperação existente e criar um mapa para parceria em projetos futuros.

Segundo a agência, há colaboração ativa em curso para apoiar o Egipto na conservação e melhor administração da cidade histórica do Cairo.

Segundo Bokova, o "Egipto é um membro emblemático da Unesco e a campanha internacional para proteção dos templos da Núbia criou um padrão internacional do que a comunidade pode e deve fazer para proteger a herança cultural mundial".

Ela acrescentou que isto "é extremamente importante hoje, quando a herança cultural está sob ataque em diversas partes do mundo".

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031