Unesco celebra Dia Internacional da Paz em Moçambique

Ouvir /

Entrevistas, debates e actividades culturais são algumas das iniciativas para abordar a questão; data é comemorada este domingo, 21 de setembro.

Mingas promove paz com sua música. Foto: Rádio ONU/Ouri Pota

Ouri Pota, da Rádio ONU em Maputo.

Para comemorar o Dia Internacional da Paz, celebrado este domingo, a Rádio ONU em Maputo foi saber qual a importância da data para a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco.

O porta-voz da agência em Maputo, Noel Chicuecue, explicou que o dia pede uma reflexão aos problemas que afectam as sociedades.

Pausa

"É uma oportunidade que temos para reflectir, aprofundar o nosso conhecimento, as nossas accções sobre a paz. A paz  tão almejada em todo mundo. Acho que o ambiente de guerra que se vive em todo lado e África em particular, no Médio Oriente, exige que nós paramos por um momento para pensar o que se fazer para alcançar a paz."

"O que fazes pela paz em Moçambique?" é a questão colocada a diversas personalidades pela Unesco no país. A Rádio ONU ouviu a cantora moçambicana Mingas, que por sinal é Embaixadora dos Objectivos de Desenvolvimento do Milénio. Mingas apela ao diálogo em épocas de crise.

Grito dos Povos

" Através da minha música, tenho focado vários temas que concorrem para a paz. Tenho uma música, por exemplo, Vuka África, que fala das guerras , que é uma pergunta, o porquê da guerra. É um pedido, um grito de socorro. Penso que meu grito é o grito dos povos que sofrem os traumas que as guerras criam. Um pedido de socorro para que os líderes, principalmente políticos, resolvam as diferenças, os problemas de uma maneira diferente, não com a guerra."

Ao declarar 21 de setembro como Dia Internacional da Paz, as Nações Unidas querem ressaltar a aspiração de todos os povos de viverem juntos, livres e com igualdade de direitos e dignidade .

Tema

O lema global é Direito dos Povos à Paz. A escolha do tema visa celebrar o 30º aniversário da adopção de uma declaração internacional com este nome.

A União Africana lançou o Movimento Pan-Africano para a Cultura de Paz em apoio à campanha  ”Vamos Construir a Paz", iniciada em 2010 e com vista a ampliá-la.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 13 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031