"África deve integrar combate às mudanças climáticas", diz Carlos Lopes

Ouvir /

Chefe da Comissão Económica para África diz que continente deve ser visto como parte da solução do problema; ele cita melhor utilização das energias renováveis, dos recursos de pesca e do uso da água.

Central de energia eólica. Foto: Banco Mundial

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova Iorque.*

O secretário-executivo da Comissão Económica das Nações Unidas para África, ECA, Carlos Lopes, afirmou que o continente deve fazer parte do combate às mudanças climáticas.

A afirmação de Lopes foi feita em entrevista à Rádio ONU no âmbito da Cimeira do Clima, na sede da organização em Nova Iorque.

Solução

Segundo o representante, a África deve fazer parte da solução do problema.

"E essa solução passa por utilização de todos os mecanismos da transformação económica da África ligados as possibilidades das mudanças climáticas serem também presentes. Ou seja, melhor utilização das energias renováveis para poderem permitir a industrialização, melhor utilização dos recursos haliêuticos para que os países, por exemplo, insulares não sofram tanto com as mudanças climáticas que estão a afetar duramente, melhor utilização da água etc."

Lopes disse que existem várias possibilidades que permitirão África demonstrar que o continente tem de estar presente nas negociações como parte da solução e não apenas como o recetor de algumas ajudas ao desenvolvimento.

Energia Limpa

Na Cimeira do Clima, 19 ministros de África estão a endossar o chamado Corredor de Energia Limpa.

A iniciativa tem como meta avançar com o desenvolvimento de projetos de energia renovável e aumentar a participação deste setor dos 12 % atuais para, pelo menos 40% em 2030.

Aproximadamente 80% de toda a energia produzida no sul e leste de África vem de usinas de gás, petróleo ou carvão. A mudança para o uso de energia limpa vai reduzir as emissões de dióxido de carbono em 2,5 mil toneladas.

Segundo a ONU, o esforço combinado vai diversificar a disponibilidade de recursos, melhorar a segurança energética e aumentar as oportunidades de investimento e de novos empregos.

*Apresentação: Eleutério Guevane.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031