ONU: assassinato de jornalista americano foi "horrendo e abominável"

Ouvir /

James Foley havia sido sequestrado em 2012 na Síria e num vídeo divulgado pelo grupo Estado Islâmico, aparece sendo decapitado; Ban Ki-moon emitiu nota condenando o crime.

Foto: Unesco

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, classificou a morte do jornalista americano James Foley de "terrível assassinato". A informação foi dada pelo porta-voz de Ban, Stephane Dujarric.

Na sede da ONU, em Nova York, o porta-voz lembra que o crime é "abominável" e ressalta a "campanha de terror" que o grupo Estado Islâmico do Iraque e do Levante continua promovendo contra a população do Iraque e da Síria.

Justiça

O jornalista trabalhava como freelancer no Oriente Médio para vários veículos incluindo o GlobalPost e agência de notícias AFP.

Segundo Dujarric, o secretário-geral da ONU envia condolências à família, aos amigos e colegas de trabalho de James Foley. Ban espera que "os autores deste e de outros crimes horríveis sejam levados à justiça".

Segundo agências de notícias, Foley, de 40 anos, foi sequestrado em 2012 no norte da Síria e seu paradeiro era desconhecido.

Mensagem

Na terça-feira, o grupo Estado Islâmico divulgou um vídeo chamado "Mensagem à América". Na imagem, o jornalista está no deserto, vestindo uma roupa laranja, ao lado de um militante encapuzado. Após ler uma mensagem a familiares e amigos, e culpando o governo americano pela sua morte, Foley é aparentemente decapitado pelo militante do EI.

Também nesta quarta-feira, a Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco, condenou o assassinato de um jornalista colombiano.

Luis Carlos Cervantes era diretor de uma rádio em Tarazá, noroeste do país, e foi morto a tiros por homens não identificados no dia 12 de agosto.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031