Missão da ONU no Sudão do Sul condena confrontos em Bentiu

Ouvir /

Ruído de armas de fogo foi ouvido na manhã desta sexta-feira; segundo a Unmiss, 340 civis fugiram do local por causa da violência e pediram socorro às tropas da Missão para obter abrigo.

Base da ONU no Sudão do Sul. Foto: ONU/Isaac Billy

Laura Gelbert, da Rádio ONU, em Nova York*.

Na manhã desta sexta-feira, um ruído contínuo e pesado de armas de fogo foi ouvido a sudeste da base da Missão da ONU no Sudão do Sul, Unmiss, em Bentiu. As Nações Unidas condenaram os confrontos.

Durante os combates, cerca de 340 civis fugiram da cidade de Bentiu, no norte do Sudão do Sul. Eles pediram socorro às tropas da Missão da ONU que estão no aeroporto.

Violência

Ainda segundo a Unmiss, a operação protegeu as pessoas e escoltou-as do aeroporto para a área de proteção dos civis no complexo da Missão, fora de Bentiu.

O encarregado da Missão da ONU, Toby Lanzer, disse estar "profundamente perturbado" com o surto de violência desta manhã. Ele condenou os confrontos.

Segundo Lanzer, "a Unmiss agiu de forma rápida para proteger as pessoas que procuraram abrigo no aeroporto e está a receber os civis na sua base".

Ele pediu também que os responsáveis pelas hostilidades desta sexta-feira evitem mais violência e qualquer ação que dificulte a proteção ou assistência fornecida pela Missão da ONU e outras agências.

*Apresentação: Denise Costa.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 11 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031