Agências humanitárias pedem US$ 369 milhões para Gaza

Ouvir /

Objetivo do apelo feito pela ONU é fornecer serviços de saúde, água, comida e apoio psicológico para 1,8 milhão de palestinos que vivem na região; coordenador humanitário pede passagem e acesso seguros.

Gaza. Foto: Arquivos Unrwa/Shareef Sarhan

Edgard Júnior, da Radio ONU em Nova York.

As agências humanitárias da ONU e internacionais fizeram um apelo de US$ 369 milhões, o equivalente a R$ 885 milhões, para ajudar os palestinos na Faixa de Gaza.

O objetivo é fornecer água, comida, serviços de saúde e apoio psicológico para 1,8 milhão de palestinos que vivem na região.

Mobilização

O coordenador especial humanitário das Nações Unidas, James Rawley, afirmou ser necessária uma grande mobilização de recursos para atender às necessidades mais urgentes, principalmente das pessoas deslocadas.

Segundo a ONU, o número de deslocados na Faixa de Gaza chegou a 440 mil, sendo que mais de 240 mil buscaram abrigo em escolas e instalações das Nações Unidas e da agência de Assistência aos Refugiados Palestinos, Unrwa, na região.

Segurança

Rawley disse que as agências humanitárias devem receber passagem e acesso seguros para trabalhar. Ele explicou que as hostilidades contínuas em Gaza, incluindo combates e bombardeios em áreas de grande população, limitaram as operações de ajuda.

Por causa disso, o coordenador especial da ONU apontou limitações nos trabalhos de médicos para salvar vidas, dos funcionários para entregar assistência humanitária e dos técnicos para consertar a infraestrutura destruída.

O apelo para a crise em Gaza foi feito em conjunto com representantes palestinos para garantir ajuda a toda a população.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE SETEMBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE SETEMBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

setembro 2014
S T Q Q S S D
« ago    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
2930