Prestação de contas em sérios crimes internacionais é vital para a paz

Ouvir /

Mensagem de Ban Ki-moon marca Dia Internacional da Justiça Penal, neste 17 de julho; secretário-geral diz que a justiça é importante e faz a diferença na vida das pessoas.

Ban Ki-moon (dir.) e o presidente do TPI, Sang-Hyun Song (foto de agosto de 2013). Foto: ONU/Rick Bajornas

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.*

O secretário-geral das Nações Unidas emitiu uma mensagem para marcar o Dia Internacional da Justiça Penal, neste 17 de julho.

Segundo Ban, a prestação de contas em sérios crimes internacionais é vital para o compromisso do mundo com a paz, os direitos humanos e as liberdades fundamentais.

Acordo

Ban lembrou que nesta quinta-feira, a ONU comemora também outra conquista: o acordo de cooperação que criou o Tribunal Penal Internacional, o TPI.

Segundo o chefe das Nações Unidas, a justiça é importante e faz a diferença na vida das pessoas.

Ban Ki-moon pediu a todos os países que ainda não ratificaram o Estatuto de Roma, que regulamenta o funcionamento do TPI, que o façam para reforçar o tribunal.

Âmbito

Ele finalizou dizendo que o acordo de cooperação é baseado numa convicção comum de que a causa da paz só pode ser atendida quando os responsáveis pelos mais sérios crimes de âmbito internacional são levados à justiça e julgados.

O chefe da organização deu como exemplo o caso do julgamento do ex-líder rebelde da República Democrática do Congo, Thomas Lubanga, e o depoimento de uma das encarregadas de proteção civil de crianças, Kristine Peduto, no julgamento dele.

Ele elogiou o trabalho do TPI e do promotor-chefe da corte que lidam com crimes graves de genocídio, contra a humanidade e crimes de guerra.

*Apresentação: Leda Letra.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 15 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031