Ninguém deve ser esquecido nas novas metas de desenvolvimento, diz Ban

Ouvir /

Chefe da ONU discursou nesta segunda-feira sobre os Objetivos do Milênio que expiram em menos de 550 dias e falou das novas metas de desenvolvimento sustentável, que passam a valer após o próximo ano.

Ban Ki-moon. Foto: ONU/Eskinder Debebe

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

As novas metas de desenvolvimento das Nações Unidas e o cumprimento dos Objetivos do Milênio, que expiram no próximo ano, são o tema de um encontro de alto nível que está sendo realizado na sede da ONU, em Nova York.

A reunião, de três dias, conta com ministros de vários países além de chefes de agências da organização.

Diferença

Ao discursar no evento, o secretário-geral Ban Ki-moon afirmou que as Metas do Milênio estão fazendo a diferença na vida das pessoas. Ele lembrou que o prazo final para o cumprimento dos objetivos é de menos de 550 dias.

Para Ban, os objetivos de 2015 não podem deixar ninguém para trás.

O chefe da ONU afirmou que muitas metas foram alcançadas ou estão a caminho de serem cumpridas.

Os dados indicam que o mundo conseguiu reduzir pela metade o número de pessoas vivendo na extrema pobreza, além daqueles que não tinham acesso à água tratada cinco anos antes do prazo final.

Malária e Tuberculose

Outros ganhos foram feitos também na luta contra a malária e a tuberculose, com uma queda de 42% nos índices de mortalidade por malária em todo o mundo.

Em seu discurso, Ban Ki-moon lembrou que para as camadas mais marginalizadas da sociedade, a discriminação e a exclusão social continuam sendo os maiores obstáculos ao progresso.

Outros desafios são os índices de mortalidade materno-infantil, educação universal e de sustentabilidade.

Meio Ambiente

Nesta entrevista à Rádio ONU, o chefe do Programa para o Meio Ambiente, Achim Steiner, falou sobre os avanços no setor.

"Eu penso que a dimensão ambiental não é mais hoje um ponto isolado. É um elemento integral na agenda econômica, na agenda social. Esta é a perspectiva do Pnuma, e é um trabalho que fazemos em todos os fóruns das Nações Unidas. O meio ambiente é o fundamento, é a pré-condição para o futuro do desenvolvimento e este é o trabalho que fazemos aqui."

Para a ONU, o gerenciamento inteligente do meio ambiente é fundamental para o desenvolvimento sócio-econômico.

Resultados

A disparidade entre meninas e meninos matriculados no ensino primário também diminuiu. Outros objetivos como o acesso ao tratamento do HIV estão a caminho de serem alcançados. Para as Nações Unidas, o sucesso do que foi cumprido até agora deve-se à ação combinada de governos, da comunidade internacional, da sociedade civil e do setor privado. Mas a organização ressalta que os resultados são diferentes entre países e regiões.

Ao apresentar o relatório sobre as Metas do Milênio, Ban Ki-moon afirmou que as ações para o cumprimento são fundamentais para um base sólida para o desenvolvimento após 2015.

Segundo ele, o mundo mudou bastante desde a adoção das metas em 2000. Temas como desenvolvimento, paz, segurança e Estado de direito estão cada vez mais entrelaçados. A erradicação da extrema pobreza é ainda mais fundamental para à estabilidade das sociedades.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 8 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 8 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031