Operações de Israel na Cisjordânia preocupam Nações Unidas

Ouvir /

Representante para o Processo de Paz no Oriente Médio fala em 300 palestinos presos e três mortos após três estudantes israelenses terem sido sequestrados; palestinos fazem greve de fome em sinal de protesto.

Robert Serry. Foto: ONU/Devra Berkowitz

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

O coordenador especial da ONU para o Processo de Paz no Oriente Médio está muito preocupado com relatos de operações isralenses na Cisjordânia.

Segundo Robert Serry, as ações de segurança começaram após o sequestro de três estudantes israelenses. Desde então, mais de 300 palestinos foram presos, e três assassinados, incluindo um menor de idade esta sexta-feira.

Respeito

A ONU entende que as operações de segurança na Cisjordânia são parte dos esforços de Israel para que os jovens voltem para casa com segurança. Segundo Serry, a organização quer a libertação imediata dos sequestrados. 

Ao mesmo tempo, o coordenador espera queIsraelaja de acordo com a lei internacional e respeite a vida e a dignidade dos palestinos.

Greve de Fome

As Nações Unidas também estão preocupadas com a saúde de um grupo de palestinos que está em greve de fome, protestando contra pessoas detidas porIsraelna Cisjordânia.

A porta-voz do Escritório de Direitos Humanos disse que a saúde das pessoas em greve de fome é crítica e continua piorando. Segundo Ravina Shamdasani, a alta comissária Navi Pillay acompanha a situação nos territórios ocupados palestinos e pede a israelenses e palestinos o respeito total da lei internacional dos direitos humanos.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031