Ban defende que ação climática é "viável, acessível e benéfica"

Ouvir /

Chefe da ONU falava a governantes e sociedade civil em Abu Dhabi; setores de energia, cidades, transportes e finanças entre áreas consideradas com potencial para produzir resultados rápidos.

Chefe da ONU e o ministro de Estado dos EAU. Foto: UN Photos.

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O secretário-geral das Nações Unidas defendeu este domingo que a mensagem de momento é que a ação climática é viável, acessível e benéfica.

Ban Ki-moon falava nos Emirados Árabes Unidos, EAU, no encontro de alto nível Abu Dhabi Ascent. A reunião antecede a Cimeira sobre Mudanças Climáticas agendada para 23 de setembro próximo, em Nova Iorque.

Consumidores

Falando aos cerca de 1 mil governantes e representantes empresariais e da sociedade civil, o chefe da ONU disse que o recado deve ser dirigido a líderes, redes de negócio e finanças além de consumidores e eleitores.

Ban falou de nove áreas-chave identificadas como tendo maior potencial para produzir resultados rápidos e significativos. Segundo o responsável trata-se da energia, das cidades e transportes, das finanças, da resiliência, da agricultura e dos poluentes climáticos de curta duração.

Segunda Oportunidade

Mas explicou que já existem várias das soluções necessárias, estando as outras em rápido desenvolvimento. Por ora, considerou ser preciso que estas sejam implantadas numa escala correspondente ao desafio, por não poder haver uma segunda oportunidade.

No evento, o presidente da Assembleia Geral da ONU disse que os Estados-membros estão a "preparar terreno" para elaborar a agenda de desenvolvimento pós-2015.

John Ashe considera impossível um desenvolvimento sustentável sem uma política climática sonante e eficaz acompanhada de ação.

A sua proposta é que seja abordado o vínculo entre o desenvolvimento e a agenda de mudanças climáticas, enquanto se avança para cumprir a agenda global em  finais do próximo ano.

Cooperação

Ban Ki-moon disse que para concretizar os benefícios da ação climática a  cooperação deve ser global especialmente nas áreas de finanças, de investimentos e da partilha de tecnologias.

Após observar que os países em desenvolvimento são os mais vulneráveis aos impactos climáticos negativos, defendeu que o grupo de nações observa um rápido aumento das emissões de carbono.

Para Ban, estes devem ter apoio para a construção do próprio futuro de baixo carbono. O secretário-geral disse que o progresso sustentável exige uma transição direta para economias ambientalmente mais sustentáveis e resilientes no futuro para levar à prosperidade duradoura.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031