Ban alerta que mais de 1 milhão morrem de doenças causadas por insetos

Ouvir /

Secretário-geral afirmou que mosquitos, moscas e carrapatos causam malária, dengue, febre amarela, entre outras; declaração foi feita para marcar o Dia Mundial da Saúde, nesta segunda-feira, 7 de abril.

Criança com malária. Foto: OMS

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, alertou que mais de 1 milhão de pessoas morrem todos os anos de doenças transmitidas por insetos no mundo inteiro.

Segundo Ban, mosquitos, moscas, carrapatos e outros insetos causam doenças como malária, dengue, febre amarela, encefalite, mal de Chagas e leishmaniose, entre outras.

Sofrimento

Ele disse que todas essas doenças acabam gerando sofrimento para centenas de milhões de pessoas.

O chefe da ONU explicou que a mudança climática, a alteração dos habitats naturais e o aumento do comércio e das viagens internacionais estão expondo cada vez mais pessoas aos insetos.

Ban afimou que esses insetos representam um risco para todas as regiões, inclusive para países onde a ameaça já tinha sido erradicada.

Favelas

Mas ele declarou que os mais afetados são os mais pobres, principalmente os que vivem em áreas rurais longe dos serviços de saúde e também nas favelas das grandes cidades.

Ban disse que ao mesmo tempo em que todos trabalham para atingir os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio e para definir a agenda pós-2015, é importante investir no controle de insetos e na prevenção de doenças. Para o secretário-geral, essa é uma decisão sábia e necessária.

Ele deu como exemplo as operações que estão sendo feitas na África. Ban disse que mais de 700 milhões de mosquiteiros com inseticida já ajudaram a reduzir drasticamente os casos de malária, principalmente entre crianças e gestantes.

Compromisso político

Um compromisso político sustentável pode salvar milhões de vidas e gerar grandes retornos sociais e econômicos.

Ban encerrou a mensagem dizendo que todos têm um papel a desempenhar na luta contra os insetos que transmitem doenças, incluindo governos, organizações internacionais, setor privado, sociedade civil e as comunidades.

Neste Dia Mundial da Saúde, o secretário-geral pediu aos países que façam do controle de insetos uma prioridade para acabar com uma ameaça séria mas que pode ser evitada.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 12 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031