Ban profundamente decepcionado com referendo na Crimeia

Ouvir /

Secretário-Geral está preocupado também com a possibilidade do referendo apenas exacerbar ainda mais a situação; ele condenou a violência deste fim de semana no leste da Ucrânia.

Stéphane Dujarric Foto: ONU/Mark Garten

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon afirmou esta segunda-feira que está profundamente decepcionado com o referendo da Crimeia, realizado neste domingo.

Em comunicado lido pelo porta-voz, Stephane Dujarric, Ban disse que está preocupado também com o fato de que o referendo irá apenas exacerbar a situação atual.

Solução

Ele encorajou todas as partes a trabalharem por uma solução que tenha como base a Carta das Nações Unidas, incluindo o respeito à união e à soberania da Ucrânia.

O chefe da ONU apelou a todos que evitem ações precipitadas nesta situação já complexa e tensa.

Ele condenou a violência ocorrida durante o fim de semana na região leste do país que deixou mortos e feridos.

Tensões

Ban voltou a pedir a ucranianos e russos que se comprometam a reduzir as tensões e a realizar um diálogo inclusivo na busca de uma solução política e diplomática para a crise.

Para o Secretário-Geral, a piora da situação vai causar sérias repercussões para a população da Ucrânia e de toda a região.

O porta-voz falou ainda sobre a missão do secretário-geral assistente para os Direitos Humanos, Ivan Simonovic, na Ucrânia.

Ele disse que Simonovic se reuniu esta segunda-feira com os vice-ministros ucranianos das Relações Exteriores e da Justiça assim como representantes da sociedade civil.

Segundo Dujarric, o secretário-geral assistente estará em Nova York nesta terça-feira, para fazer um balanço de sua viagem a Ban Ki-moon.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 8 DE DEZEMBRO DE 2017
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 8 DE DEZEMBRO DE 2017
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

dezembro 2017
S T Q Q S S D
« nov    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031