Iraque: ONU pede união após combates de deslocaram 63 mil famílias em Anbar

Ouvir /

Em Fallujah, enviado do Secretário-Geral disse que vários residentes são atingidos nos combates; hospital principal da cidade teria sido base de grupos armados e sofrido bombardeamentos.

Nickolay Mladenov. Foto: ONU/Amanda Voisard

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova Iorque.

O Escritório das Nações Unidas no Iraque informou que os combates na província iraquiana de Anbar já deslocaram mais de 63 mil famílias.

Na área do leste, decorrem combates entre milícias sunitas e forças de segurança desde dezembro. Agências noticiosas informaram que as tropas e tribos locais aliadas lutam para recuperar o controlo de várias partes das cidades de Falluja e Ramadi.

Comunidades da Periferia

O enviado do Secretário-Geral para país disse que embora muitos tenham fugido para cidades como Karbala, Bagdá e Erbil vários optaram por ficar em comunidades periféricas de Anbar ou são incapazes de fugir dos combates.

Nickolay Mladenov chamou a atenção para as condições precárias agravadas por poucas reservas de alimentos e de água potável aliadas à falta de saneamento e do acesso limitado aos cuidados de saúde.

Combates

O representante manifestou maior apreensão com o rápido agravamento da situação em Fallujah, onde um grande número de residentes é apanhado nos combates. O apelo é que seja aberto o acesso para entrega de ajuda humanitária para a cidade.

O escritório cita relatos de que o Hospital Geral de Fallujah teria sido usado como quartel-general de grupos armados, além de sofrer bombardeamentos. O responsável lembrou que hospitais e instalações médicas devem ser protegidos.

Estradas Bloqueadas

As dificuldades mencionadas incluem as vias de acesso frequentemente bloqueadas pelos combates.

Ao reiterar o seu apelo por uma solução política para a crise, Mladenov sublinhou que esta permitiria a união de todos os iraquianos contra o "terrorismo."

Para apoiar a resposta à crise, agências das Nações Unidas realizaram uma operação conjunta de auxílio que distribuiu material essencial de socorro, higiene, alimentos e artigos não-alimentares além de kits cirúrgicos. Desde janeiro, mais de 11 mil pessoas foram beneficiadas.

Compartilhe

JORNAL DA ONU - 5 MIN, 19 DE JANEIRO DE 2018
JORNAL DA ONU - 5 MIN, 19 DE JANEIRO DE 2018
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

janeiro 2018
S T Q Q S S D
« dez    
1234567
891011121314
15161718192021
22232425262728
293031