ONU condena ataque terrorista no Iêmen

Ouvir /

Secretário-Geral pediu cooperação de todos na investigação determinada pelo presidente do país; ataque contra o Ministério da Defesa iemenita matou mais de 20 pessoas.

Secretário-Geral da ONU Ban Ki-moon

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon, condenou de forma veemente os atentados terroristas desta quinta-feira contra o complexo que abriga o Ministério da Defesa do Iêmen.

Segundo a nota divulgada pelo chefe da ONU, os ataques deixaram mais de 20 mortos. Agências de notícias dizem que o número de mortos é de pelo menos 29 e o de feridos, passa de 70.

Investigação

Ban pediu a todos que cooperem com a investigação ordenada pelo presidente Abed Rabbo Mansour Hadi para levar os responsáveis à justiça.

Ele lembrou que o Conselho de Segurança reafirmou decisão de considerar outras medidas em resposta às ações cometidas por indivíduos ou grupos com o objetivo de prejudicar o processo de transição.

Ban deixou claro que acredita que o único caminho para a estabilidade, a prosperidade e a democracia no país é através da Conferência de Diálogo Nacional.

Atentado

Segundo as agências de notícias, um carro bomba explodiu em frente ao portão principal do Ministério da Defesa e a seguir teve início um tiroteio entre extremistas e militares do governo.

Até agora, ninguém assumiu a autoria do ataque. As autoridade iemenitas disseram que a situação está sob controle e que a maioria dos extremistas morreu no confronto armado.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 24 DE NOVEMBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 24 DE NOVEMBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

novembro 2014
S T Q Q S S D
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930