Ban pede moderação máxima na fronteira entre Israel e Líbano

Ouvir /

Secretário-Geral fez apelo depois dos foguetes lançados do território libanês e a resposta israelense; Unifil informou que não houve registro de mortes ou danos e ninguém assumiu responsabilidade pelo ataque.

“Linha-Azul”, faixa que divide o Israel e o Líbano. Foto: Unfil

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU, Ban Ki-moon pediu moderação máxima a todos os lados da fronteira entre Israel e Líbano.

O apelo foi feito neste domingo, depois dos lançamentos de foguetes do território libanês contra Israel e a resposta das Forças de Defesa Israelense, IDF, pela sigla em inglês.

Cooperação

Em comunicado, Ban agradeceu a cooperação das autoridades libanesas e israelenses com os esforços da ONU para evitar uma escalada desse incidente e acabar com as hostilidades na chamada "Linha-Azul", faixa que divide os dois países.

Segundo a Força Interina da ONU no Líbano, Unfil, quatro e não dois foguetes foram lançados de El Khiam, no sul do Líbano por volta das sete da manhã, horário local. Dois deles atingiram Kiryat Shimona, no norte de Israel.

O terceiro caiu ainda no território libanês, perto de Sarda e o quarto explodiu no local do próprio lançamento.

Resposta

Os militares israelenses responderam com disparos de artilharia contra a área de onde os foguetes saíram.

A Unfil informou que não foram registrados danos nem mortes e até o momento, nenhum grupo assumiu responsabilidade pelos ataques.

As investigações continuam em andamento para revelar todos os detalhes do incidente que representa uma grave violação da resolução 1701.

A Unfil intensificou o patrulhamento na área e informou que a região da "Linha Azul" está sob controle.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 21 DE OUTUBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 21 DE OUTUBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

outubro 2014
S T Q Q S S D
« set    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031