OIT lamenta novo incêndio em fábrica de roupas em Bangladesh

Ouvir /

Pelo menos nove pessoas morreram e dezenas ficaram feridas com o fogo que atingiu a fábrica próxima à capital, Daca; em abril, um incêndio semelhante fez mais de 1,1 mil vítimas.

OIT destaca a importância das condições de segurança e saúde dos trabalhadores fabris. Foto: Banco Mundial/Maria Fleischmann

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Internacional do Trabalho divulgou um comunicado lamentando a "trágica perda de vidas" em uma fábrica de roupas em Bangladesh, atingida por um incêndio.

Pelo menos nove pessoas morreram e segundo agências de notícias, 50 tiveram ferimentos com o fogo que afetou a fábrica em Dazicur, área próxima da capital, Daca. O incidente ocorreu na noite de terça-feira.

Trabalho Decente

Em abril, um incêndio em uma outra fábrica de roupas em Bangladesh matou mais de 1,1 mil pessoas. Com o novo caso, a OIT destaca que "não está sendo feito o suficiente para tratar a segurança e a saúde dos trabalhadores".

O diretor da agência, Guy Ryder, lamenta que "funcionários ainda morram por razões que poderiam ser evitadas, caso houvessem condições decentes de trabalho".

Ryder nota, no entanto, que após o incêndio em abril, o governo de Bangladesh tem colaborado para melhorar as condições e reforçado as inspeções laborais e a segurança contra incêndios em prédios do país.

Mas o diretor da OIT afirma que "todo esforço será em vão, até que sejam transformados em ações concretas que evitem mortes ou trabalhadores feridos". Para Ryder, o incêndio desta terça-feira não deveria ser apenas a tragédia mais recente do tipo, mas deveria ser a última.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 16 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 16 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930