Chefe do FMI diz que crise da dívida americana ameaça economia mundial

Ouvir /

Christine Lagarde fez a declaração em discurso durante encontros anuais do Fundo Monetário Internacional e do Banco Mundial, em Washington.

Christine Lagarde

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

A crise da dívida dos Estados Unidos ameaça a economia mundial. O alerta foi feito pela chefe do Fundo Monetário Internacional, FMI, Christine Lagarde.

Para ela, a falha em aumentar o teto da dívida americana representa mais prejuízos à economia global que o fechamento temporário de uma série de serviços do governo do país.

Serviços

Lagarde está participando dos encontros anuais do FMI e do Banco Mundial, em Washington. Em seu discurso, ela tratou dos desafios que existem para a economia internacional.

A chefe do órgão disse que os Estados Unidos precisam reparar suas finanças para evitar uma piora do atual cenário macroeconômico global.

O fechamento temporário de uma série de serviços financiados pelo orçamento federal foi anunciado na terça-feira, o que inclui museus, parques nacionais, projetos de pesquisa na área de saúde e várias repartições públicas.

Ao falar da economia mundial, a chefe do FMI afirmou que há sinais de crescimento e de um certo retorno à estabilidade.

Christine Lagarde disse que a zona do euro também mostrava otimismo com uma previsão de crescimento de 1% para 2014.

Nos próximos dias, o FMI deve divulgar mais dados sobre as previsões de crescimento e as tendências da economia.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930