Angola: Fnuap reafirma apoio para censo populacional de 2014

Ouvir /

Primeiro registo populacional pós-independência decorre na última quinzena de maio; agência destaca possibilidade de facilitar o bem-estar das populações.

Censo populacional em Angola. Foto: Banco Mundial

Cláudia Longa, de Luanda para a Rádio ONU*

A representante do Fundo das Nações Unidas para a População, Fnuap, Kourtoum Nacro, valoriza a realização do censo populacional em Angola previsto para 2014.

Trata-se do primeiro registo populacional de género desde a independência do país, há 37 anos, a decorrer de 16 a 31 de maio do próximo ano.

Base para Planificação

Kourtoum Nacro destaca o bem-estar das populações, como o principal objetivo da realização do censo.

"Vamos ter boa informação sobre quem somos, quem vive em Angola e onde é que vive. Isso é muito importante e seria uma base para a planificação para o Governo ou todos os intervenientes em Angola. É uma atividade muito importante e o Fnuap está a contribuir para esse trabalho desde 2009. Foi lá que o primeiro draft do projeto foi elaborado com a ajuda da técnica do Fnuap, e também contribuímos com muitas consultoras internacionais para virem ajudar em muitos aspectos, como agora tem um plano estratégico para o censo com o Fnuap que ajudou trabalhando com o INE, e também tem um cartógrafo a ajudar", disse.

Ações Preliminares

A agência da ONU disse ter apoiado a formação de dois técnicos angolanos em demografia, que concluíram o mestrado nos Camarões para ajudar no censo.

Autoridades do país referem que vários técnicos estão envolvidos em ações preliminares de cartografia "para dar consistência e harmonizar a informação que será recolhida no terreno."

*Com reportagem da Rádio Nacional de Angola.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 22 DE AGOSTO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 22 DE AGOSTO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

agosto 2014
S T Q Q S S D
« jul    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031