Enviada da ONU preocupada com retomada de ataques na RD Congo

Ouvir /

Representante especial do Secretário-Geral para os Grandes Lagos, Mary Robinson exigiu fim imediato dos confrontos; Missão das Nações Unidas no país é liderada por general brasileiro.

Mary Robinson Foto: ONU

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

As Nações Unidas lançaram um apelo, neste sábado, pelo fim imediato dos ataques de grupos rebeldes à cidade de Goma, no leste da República Democrática do Congo.

Em nota, a enviada especial do Secretário-Geral à região dos Grandes Lagos, na África, Mary Robinson, disse que está "profundamente preocupada" com a retomada da violência.

General Brasileiro

Ela lembrou que os confrontos são contra os civis que vivem na área e que já estão traumatizados com duas décadas de combates. Para Robinson, a situação é inaceitável.

A enviada especial de Ban Ki-moon disse ainda que os ataques estão alvejando as tropas da Monusco, a Missão da ONU na República Democrática do Congo, que é liderada por um general brasileiro.

Segundo agências de notícias, as forças comandadas pelo general Carlos Alberto dos Santos Cruz responderam ao fogo cruzado dos rebeldes, que teria iniciado na quinta-feira.

Mary Robinson disse que os novos combates são uma prova de que é preciso encontrar uma solução política, com urgência, e de acordo com as reuniões e cimeiras realizadas sobre o tema pela comunidade internacional.

Ela encerrou a nota dizendo que está em contato direto com todas as partes para monitorar a situação, e pediu calma e moderação às autoridades envolvidas no caso.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 30 DE JULHO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 30 DE JULHO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

julho 2014
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031