Ban diz que está chocado com alegações de uso de armas químicas na Síria

Ouvir /

Segundo agências de notícias, ataque com agentes químicos ocorreu nesta quarta-feira; Conselho de Segurança fará reunião a portas fechadas, esta tarde.

Ban Ki-moon. Foto: ONU/Anne-Laure Lechat

Mônica Villela Grayley, da Rádio ONU em Nova York.

O Secretário-Geral da ONU afirmou que está chocado com alegações de uso de armas químicas num ataque na Síria, nesta quarta-feira.

De acordo com agências de notícias, que citaram membros da oposição síria, "centenas de pessoas teriam morrido" perto de Damasco, capital do país.

Relatos

O porta-voz de Ban Ki-moon, Eduardo del Buey, lembrou que uma missão da ONU para investigação sobre o uso de armas químicas na Síria está em Damasco, acompanhando o caso.

Del Buey disse que o grupo, liderado pelo professor sueco Ake Sellstroem, chegou à Síria no domingo para apurar relatos do governo sírio de que armas químicas teriam sido usadas em Khan al-Assal.

Lei Internacional

O porta-voz informou que a missão está comprometida em apurar os fatos e mantendo discussões com autoridades sírias incluindo sobre o incidente desta quarta-feira. Ban Ki-moon contou que está ciente da reação da União Europeia e de vários países da Liga Árabe sobre o uso de armas químicas na Síria. Segundo o Secretário-Geral o uso desses armamentos por qualquer parte do conflito e sob qualquer circunstância viola a lei humanitária internacional.

O Conselho de Segurança informou que irá realizar uma sessão na tarde desta quarta-feira, a portas fechadas, para discutir o assunto.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 16 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 16 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930