Adiada investigação sobre uso de armas químicas na Síria

Crianças na Síria. Foto: Unicef/Alessio Romenzi

A equipe das Nações Unidas que investiga o uso alegado de armas químicas na Síria iria visitar um outro local próximo a Damasco nesta terça-feira. Mas após o ataque a um comboio da ONU na segunda-feira, a visita foi adiada em um dia.

A decisão foi tomada com o objetivo de melhorar os preparativos e a segurança para a equipe, liderada pelo professor Ake Sellström.

Acompanhe a conversa de Edgar Júnior, da Rádio ONU, com Leilane Neubarth, para o Jornal da Globo News.

Na reportagem, Edgar Júnior fala ainda do aumento da violência em locais ao redor de Damasco e da preocupação expressa pelo Fundo das Nações Unidas para a População, Unfpa. A violência também está destruindo o tecido social sírio. Mães estão perdendo os filhos e outros membros da família.