Relator quer que ONU investigue situação de 5 mil presos palestinos

Ouvir /

Em apresentação ao Conselho de Direitos Humanos, Richard Falk, disse que grupo estaria recebendo "tratamento desumano" por parte de Israel; em ocasiões anteriores, Israel informou que detenções ocorrem por questão de segurança do Estado israelense.

Conselho de Direitos Humanos

Eleutério Guevane, da Rádio ONU em Nova York.*

O relator especial sobre a Situação dos Direitos Humanos nos Territórios Palestinos lançou um alerta, nesta segunda-feira, sobre milhares de prisioneiros palestinos em cadeias israelenses.

Richard Falk discursou no Conselho de Direitos Humanos da ONU, que está realizando sua sessão anual, em Genebra, na Suíça, e pediu a abertura de uma comissão de inquérito sobre o tema.

Segurança

Segundo ele, 5 mil palestinos estão recebendo um "tratamento desumano e humilhante". Em ocasiões anteriores Israel, informou que as prisões ocorreram por uma questão de segurança do Estado israelense.

O relator Richard Falk recomendou que o mandato da comissão de inquérito seja amplo. Ele quer ainda a apuração do que classificou de "histórico de impunidade" de interrogadores policiais em Israel.

O especialista indicou casos de tortura, confinamento solitário, falta de acesso à assistência jurídica, de saúde e a familiares.

Richard Falk disse que crianças palestinas também estariam sendo maltratadas na prisão. Ele lamentou que "os palestinos continuem vivendo sob restrições e sem proteção."

*Apresentação: Mônica Villela Grayley.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 30 DE JULHO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 30 DE JULHO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

julho 2014
S T Q Q S S D
« jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031