Novo medicamento para combater tuberculose resistente a remédios

Ouvir /

OMS afirma que a doença atinge 500 mil pessoas por ano em todo o mundo; agência da ONU informou que o bedaquiline está na segunda fase de testes.

Paciente com suspeita de tuberculose no Lesoto. Foto: OMS

Edgard Júnior, da Rádio ONU em Nova York.

A Organização Mundial da Saúde calcula que a tuberculose resistente a remédios afeta 500 mil pessoas por ano, no mundo inteiro.

Segundo a OMS, pela primeira vez, em 40 anos, um novo medicamento para combater a doença, o bedaquiline, está disponível e já recebeu o sinal verde da agência americana que regula alimentos e remédios, FDA.

Tratamento

Os métodos atuais de tratamento do tipo mais resistente da tuberculose apresentam vários desafios. Eles duram 20 meses ou mais, exigem o uso diário de medicamentos mais tóxicos, mais caros e menos eficazes.

A OMS diz que existe um interesse geral no potencial do bedaquiline para tratar os casos mais graves da tuberculose, mas ao mesmo tempo, explica que as informações sobre o remédio continuam limitadas.

Por isso, a agência da ONU lançou um guia provisório, com cinco condições, para tratar adultos. Como o bedaquiline ainda está em fase de testes, a OMS alerta que os pacientes devem ser monitorados de perto e devem ser informados dos riscos e dos benefícios do novo remédio.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 17 DE ABRIL DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

abril 2014
S T Q Q S S D
« mar    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930