Cepal vê oportunidades de cooperação agrícola entre China e AL

Ouvir /

Países latino-americanos podem desenvolver com nação asiática relações comerciais baseadas em inovação e respeito ao meio ambiente; fórum de ministros da Agricultura ocorreu em Pequim.

Foto: FAO/Giullo Napolitano.

Leda Letra, da Rádio ONU em Nova York. 

A Comissão Econômica para América Latina e Caribe, Cepal, está destacando os benefícios de uma possível estratégia de cooperação na área agrícola entre os países da região e a China.

Durante o primeiro Fórum dos Ministros da Agricultura, realizado em Pequim, o vice-chefe da Cepal ressaltou a necessidade de se alcançar relações comerciais mais equilibradas entre a nação asiática e os países latinos.

Inclusão

Para Antônio Prado, o intercâmbio deve se basear em inovação agrícola, respeito ao meio ambiente e inclusão social. O representante da Cepal falou sobre a intenção de se criar um mecanismo de reserva de alimentos para enfrentar emergências e garantir a segurança alimentar.

Prado citou ainda outras propostas levantadas no fórum, como fortalecer pesquisas e atividades conjuntas de promoção comercial, além da discussão de políticas relevantes para a agricultura e intercâmbio de especialistas.

Ele garantiu que a Cepal está comprometida em encorajar o desenvolvimento das relações entre China e América Latina e Caribe.

A criação do fórum de intercâmbio agrícola foi sugerida no ano passado pelo ex-primeiro ministro chinês Wen Jiabao.

JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 25 DE NOVEMBRO DE 2014
JORNAL DA ONU - BRASIL (5 MIN), 25 DE NOVEMBRO DE 2014
Loading the player ...

SIGA A RÁDIO ONU NAS REDES SOCIAIS

 

novembro 2014
S T Q Q S S D
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930